Libras

Notícias

Com cesta no final, FlaBasquete vence Joinville e conquista terceira vitória seguida no NBB

Faltando 54 segundos, Davi faz a cesta da vitória que também teve trio pegando sete rebotes e Deryk cestinha

Por - em


Um time que vinha de cinco dias muito intensos. Três jogos no período, viagens, EUA, Fortaleza, Brasília... Tudo pesou na quadra da Arena Carioca 1 na noite desta quarta-feira, no jogo contra o Joinville. Pela terceira rodada do NBB 2018-2019, o Flamengo suou, mas venceu os rivais por 76 a 75 com uma cesta de Davi faltando 54 segundos para o final. O resultado mostrou uma partida muito equilibrada e que só foi decidida no final.

Sabia que você pode ser parte dos esportes olímpicos do Flamengo? Acesse o novo site, www.flamengo.com.br/anjo-da-guarda, confira as novidades e torne-se um Anjo da Guarda Rubro-Negro. Para dúvidas e mais informações, ligue para (021) 3199-3502

O Joinville, que vinha de um ritmo menos intenso, aproveitou e fez um primeiro tempo muito superior. Mas o intervalo fez a diferença e o Flamengo soube voltar para o terceiro quarto de forma diferente, o que foi predominante para a vitória. Com 15 pontos, Deryk foi o cestinha da partida, que também teve Marquinhos (13), Mineiro (11) e Nesbitt (10) que passaram os dois dígitos na pontuação. O trio também pegou sete rebotes, cada um, cruciais para segurar o adversário no segundo tempo. 

O início do jogo não foi bom para o Flamengo. Sentindo o cansaço das partidas e das viagens, o time demorou a se encaixar e acabou vendo o Joinville disparar na frente. Com bom aproveitamento nos chutes de três, os rivais acumularam pontos, contando também com as boas atuações de Vezarinho e Bambu, que marcaram, cada um, cinco pontos. Com poucos arremessos tentados e baixo aproveitamento, o Flamengo viu o Joinville fechar na frente em 10 pontos, por 12 a 22. 

No segundo quarto, o Mais Querido começou a igualar as ações, mas ainda sofreu com as bolas de três rivais, que mantiveram os catarinenses na frente no placar. Mas com Varejão e Deryk acertando a mão, o Flamengo foi mais ofensivo e eficiente na etapa. Varejão marcou oito pontos e empurrou o time que venceu o quarto por 26 a 25, diminuindo a diferença para nove pontos ao final dos 10 minutos, em 38 a 47. 


Um outro Flamengo voltou do vestiário. Mineiro, Marquinhos e Deryk marcaram e o time diminuiu para dois pontos a diferença em três minutos, sem deixar o Joinville pontuar. Com cinco minutos para o final, Marquinhos mandou e acertou três, empatando a partida. O Joinville ainda fez mais dois pontos e Balbi, com três lances livres, empatou novamente. Mas aí não teve jeito. Com Deryk o Flamengo passou e depois não perdeu mais a mão. Foi ampliando a diferença e mostrando que mesmo com cansaço, o time sabia como superar as dificuldades e se encontrou em quadra, até fechar em 60 a 58. 

O Flamengo viveu todas as emoções possíveis no último quarto. Esteve na frente, viu o Joinville virar, virou de novo, abriu vantagem, perdeu e sofreu. Mas faltando 58 segundos, Davi pegou a bola e chutou de longe. 76 a 75 no placar. O Joinville teve duas oportunidades, não fez, perdeu. Flamengo conquistou, na raça, a terceira vitória seguida no NBB e agora vira o foco para a Liga Sul-Americana.