Libras

Notícias

Em defesa da invencibilidade

Souza retorna ao time após contusão e forma ataque com Leonardo.

Por - em

Souza retorna ao time após contusão e forma ataque com Leonardo.

O Flamengo entra em campo neste domingo, às 16h, no Estádio Orlando Scarpelli, em Florianópolis, para defender o bom retrospecto que tem fora de casa nas rodadas iniciais do Campeonato Brasileiro. Mais do que isto, um bom resultado contra o Figueirense, além de manter o time invicto como visitante, permitirá ao Rubro-Negro dar um salto na tabela e encostar nos líderes.

Desta forma, o jogo deste domingo tem importância estratégica na visão da comissão técnica rubro-negra. Afinal, a ele se seguirão três jogos no Rio de Janeiro, dando ao Flamengo a chance de deslanchar de vez na competição.

- Hoje estamos a cinco pontos dos líderes. Não é o ideal, mas um bom resultado contra o Figueirense seria muito importante. Depois faremos três jogos no Rio de Janeiro e poderíamos chegar entre os primeiros. O Flamengo tem time para disputar este Brasileiro na parte de cima da tabela - diz o técnico Ney Franco.

Os três jogos no Maracanã serão contra Internacional, Vasco e Juventude. Antes, no entanto, Ney Franco teve que montar o time para jogar no Sul do Brasil com um problema inesperado. Na manhã deste sábado, ficou confirmado o veto a Renato, com problema muscular na coxa esquerda.

- Não tivemos muito tempo para testar possibilidades para o lugar do Renato. Acho que a opção com o Leonardo ao lado do Souza pode render bons frutos - disse Ney Franco, que espera ter Souza mais fixo na área e Leonardo com mais liberdade para se movimentar pelos lados.

Com a escalação de Leonardo, Renato Augusto sai do ataque e passa a atuar como meia, formando o setor ao lado de Paulinho e Claiton.

Figueirense x Flamengo

Local: Orlando Scarpelli, Florianóplis (SC)

Horário: 16h

Árbitro: Alício Pena Junior (Fifa-MG)

Assistentes: Marco Antônio Gomes (Fifa-MG) e Helberth Costa Andrade (MG)

Figueirense: Wilson, Felipe Santana, Chicão e Édson; Ruy, Henrique, Cleiton Xavier, Adriano Gabiru e André Santos; Jean Carlos e Victor Simões. Técnico: Mário Sérgio.

Flamengo: Bruno, Moisés, Thiago e Ronaldo Angelim; Leonardo Moura, Paulinho, Claiton, Renato Augusto e Juan; Leonardo e Souza. Técnico: Ney Franco.