Libras

Notícias

Segundo título estadual do Flamengo completa 95 anos

Em 1915, Rubro-Negro goleava o Bangu por 5 a 1 e sagrava-se bicampeão carioca de futebol

Por - em

Há exatos 95 anos, o Flamengo coloria o Rio de Janeiro pela segunda vez em sua história no futebol. Em pleno Halloween, o preto e o roxo derem lugar ao preto e vermelho, começando pelo estádio da Rua Paysandu, nas Laranjeiras. Com uma goleada por 5 a 1 sobre o Bangu, o time, que ainda não era da Gávea, conquistava seu segundo título estadual – e de maneira consecutiva.

\

Começava ali a tradição do maior vencedor da história do Campeonato Carioca, com 31 títulos. Era uma época onde o esporte ainda lutava para se firmar no Brasil e onde a imprensa esportiva não tinha, nem de longe, o espaço que tem hoje. E o clube, que nasceu à beira da praia do Flamengo para disputar competições de remo, entrava de vez na briga pelas glórias também no "football".

\

Ainda não havia chuteiras coloridas, uniformes que absorvem suor, numeração fixa e as modernidades do futebol atual. Os estádios eram modestos, os trajes para assistir às partidas eram de gala e nem se sonhava em disputar uma Copa do Mundo da modalidade. O Brasil, então, estava longe de ser o país do futebol. Mas a paixão começava despertar na Cidade Maravilhosa.

\

Com o time formado por  Baena, Píndaro, Nery, Curiol, Galo, Sidney Pullen, Arnaldo, Gumercindo, Borgerth, Riemer e Paulo Buarque, o Rubro-Negro entrou em campo frente o Alvirubro da zona oeste ainda utilizando a camisa apelidada de Cobra Coral. E com gols de Riemer(2), Arnaldo, Gumercindo e Paulo Buarque, o time construiu a goleada e deu mais uma volta olímpica.

\

O ano de 1915 - Edmundo de Azurem Furtado teve o seu terceiro e ultimo ano de mandato como presidente do Flamengo. O clube manteve a base do time campeão carioca no ano anterior e entrou como favorito para a conquista do bicampeonato. Em uma campanha que teve vitórias como um 5 a 0 no Fluminense, um 4 a 2 no América e um 2 a 1 no Botafogo, o time confirmou o favoritismo goleando o Bangu na última rodada do segundo turno.

\

Depois da conquista do Campeonato Carioca, o Flamengo jogou um amistoso contra a Seleção Carioca, como era comum que o campeão o fizesse. O Fla venceu por 3 a 1. Então, a equipe ainda viajou pelo Norte do país, onde conquistou a Taça Jornal Folha do Norte, em Belém, ao derrotar a seleção local por 5 a 1. No remo, o clube também faturou dois títulos: a Prova Clássica Conselho Municipal e Prova Clássica Júlio Furtado.
 
Ground Committée – Uma curiosidade sobre este título é que o time não possuía um treinador, mas sim comissões técnicas, geralmente improvisadas, compostas pelos capitães da equipe e dirigentes, chamadas de Ground Committeé. E foi assim de 1912 até 1921, quando Ramon Platero tornou-se o primeiro técnico único da história do clube. Ao todo, foram 202 jogos em que o Flamengo foi comandado desta forma, com117 vitórias, 46 empates e 39 derrotas.

\

Confira mais detalhes sobre a campanha na Flapédia.