Libras

Notícias

Flamengo conquista medalhas no Brasileiro Sub-15 de judô

Cailane Mendes e Cauã Galdeano subiram no pódio em Fortaleza

Por - em
Durante os dias 21 e 22 de outubro, a arena do Centro de Formação Olímpica do Nordeste, em Fortaleza (CE) recebeu 189 atletas entre 13 e 14 anos para as disputas do Campeonato Brasileiro Interclubes – Torneio Nacional Sub-15 de Judô. O Flamengo foi representado no pódio da competição por Cailane Mendes e Cauã Galdeano, judocas supervisionados pela multicampeã Rosicleia Campos.

Durante o primeiro evento da Confederação Brasileira de Judô em parceria com o Comitê Brasileiro de Clubes (CBC), os rubro-negros se destacaram nas categorias Meio Médio (-53kg) Masculino e Meio Leve (-44kg) Feminino. Cauã encerrou o evento com a prata e Cailane levou para a Gávea o bronze. 

Com a filosofia de se tornar uma das referências nacionais em formação de atletas, o Flamengo continua investindo em toda a infraestrutura e profissionais qualificados necessários para o desenvolvimento de seus pequenos rubro-negros. Muito mais do que medalhas, o clube visa transformar as vidas desses jovens através da formação de cidadãos. Projetos como o CUIDAR e o Anjo da Guarda, que em breve entrará em campanha novamente, solidificam o papel de responsabilidade social do clube na esfera esportiva nacional.

A técnica Rosicleia Campos falou sobre os resultados e explicou como a metodoligia do Flamengo vem dando resultados nos últimos anos. 

"A Cailane ainda tem mais um ano de sub-15, ainda está novinha, então ela está indo super bem, terminando com o bronze. E o Cauã é fantástico! Fez um lutaço no final, pra mim ele ganhou a luta. No Flamengo a gente está trabalhando com essa categoria mais de base, com os "sub",  e em dezembro temos a seletiva Sub18, que é um dos objetivos da temporada. Estamos fomentando não só o desenvolvimento técnico desses jovens, mas também o amor pelo clube, essa relação de atleta e clube, de honrar a cor da camisa que veste. E o Cauã faz muito isso já", explicou Rosicleia, que destacou a vontade do atleta em representar o Flamengo.

"Esse danadinho vai pro campeonato Pan-americano semana que vem. Ele acabou de receber o emblema da Confederação Brasileira (de Judô) e ele me disse: `era meu sonho e esse sonho está sendo realizado dentro do Flamengo’. Ele é muito fofo", concluiu. 


As equipes de judô do Clube de Regatas do Flamengo contam com recursos de seus patrocinadores – AmBev, Rede D’or, IRB Brasil RE, CSN, Brasil Plural, EY – via Lei de Incentivo Federal/Ministério do Esporte (IR), além de apoio do Comitê Brasileiro de Clubes (CBC) proveniente da descentralização de recursos oriundos da Lei Pelé. O Projeto Anjo da Guarda Rubro-Negro, de transferência fiscal de pessoa física, beneficia todas as modalidades olímpicas do Mais Querido.