Libras

Notícias

Rubro-negros conquistam medalhas no Pan-Americano de Nado Artístico

Ao todo, equipe brasileira subiu ao pódio sete vezes na competição

Por - em
A Seleção Brasileira de Nado Artístico, que disputou o Campeonato Pan-Americano da modalidade na última semana, brilhou nas piscinas de Riverside, na Califórnia, nos Estados Unidos. Com oito atletas do Mais Querido no grupo, o Brasil conquistou três ouros com o Dueto Júnior Livre, Dueto Misto Técnico e o Dueto Misto Livre, três pratas com o Dueto Júnior Técnico, Equipe Sênior Técnico e Combinação Livre, além de uma medalha de bronze na prova de Equipe Sênior Livre na competição, que terminou no último sábado (11).



O Dueto Misto brasileiro, formado pelos rubro-negros Giovana Stephan e Renan Alcântara, estreou uma coreografia inspirada no ritmo do tango. A dupla aproveitou a competição para avaliar como está a preparação para o Campeonato Sul-Americano e Mundial de 2019. Como foi o único a participar da competição, o dueto conquistou a medalha de ouro e foi muito bem avaliada pelos juízes.

A rubro-negra Laura Miccuci, que formou dupla com Ana Giulia Veloso, ganhou a medalha de prata no Dueto Júnior Livre e Equipe Livre, além do ouro na prova de Rotina Técnica. A atleta do Mais Querido falou como foi representar o Brasil na disputa.



“Foi uma excelente experiência participar de uma competição desse nível, ainda mais por ter sido a última vez que representei o Brasil na categoria Júnior e a primeira vez na categoria Sênior”, disse Laura.

Lorena Molinos, Gabriela Regly, Maria Clara Lobo, Maria Eduarda Miccuci, e Jullia Catharino também representaram o Flamengo no Pan-Americano de Nado Artístico e conquistaram medalhas, além da técnica Roberta Perillier.

A campanha do país foi uma das melhores da história e, de acordo com a supervisora técnica de Nado Artístico da CBDA, Mônica Rosas, a competição serviu como ponto de partida para que a seleção brasileira volte a figurar entre os finalistas nos campeonatos mundiais. O próximo compromisso das atletas rubro-negras com a Seleção Brasileira será a disputa do Sul-Americano de Esportes Aquáticos, que acontece no final de outubro na cidade de Trujillo, no Peru.
 
As equipes de nado artístico do Clube de Regatas do Flamengo contam com recursos de seus patrocinadores – Banco Bonsucesso, Furnas, Estácio, LafargeHolcim/Cimento Mauá, EY – via Lei de Incentivo Federal/Ministério do Esporte (IR), além de apoio da Confederação Brasileira de Clubes (CBC) proveniente da descentralização de recursos oriundos da Lei Pelé.