Libras

Notícias

Flamengo conquista o título do Campeonato Estadual de Verão de Natação

Atuando em casa, Mais Querido alcança feito inédito ao ser campeão em todas as categorias

Por - em

Daiene Dias é uma das atletas rubro-negras da equipe Sênior com maior destaque na competição.Em casa, o domínio é 100% rubro-negro! O Flamengo, mais uma vez, fez história ao conquistar o título do Campeonato Estadual de Verão de Natação em todas as categorias, do Petiz ao Sênior. A competição foi realizada no parque aquático Fadel Fadel, na Gávea, entre os dias 11 e 15 de dezembro.

Você pode ajudar a fortalecer os esportes olímpicos do Flamengo e ainda receber vantagens! Acesse o site www.flamengo.com.br/anjo, confira as novidades e torne-se um Anjo da Guarda Rubro-Negro.

O torneio foi dividido em duas etapas: Mirim e Petiz, e Infantil a Sênior. No Mirim, a equipe rubro-negra somou 4.002,50 pontos na pontuação geral. Já no Petiz, a garotada do Mengão também fez bonito e garantiu a primeira colocação com 5.380,50 pontos. Enquanto isso, nas disputas de Infantil, Júnior e Sênior, o Rubro-Negro fez 15.626,00 e conquistou o título por uma ampla vantagem de pontos, já que o Fluminense, em segundo lugar, somou 8.509,00.

Edson Terra, gerente de esportes aquáticos do Mais Querido, também avaliou o resultado de mais um torneio realizado na Gávea.

“O que o Flamengo conquistou neste campeonato foi histórico, pois já havíamos vencido o torneio do meio de ano, e agora esse. Do Mirim ao Sênior, fomos campeões estaduais em todas as categorias, sendo esse um fato inédito na história do clube e da natação do Estado do Rio de Janeiro. Isso mostra que estamos realizando um trabalho muito forte nas categorias de base até o adulto, já dominando totalmente o cenário da modalidade no Estado, e tentando evoluir no âmbito nacional, onde já aparecemos entre as principais equipes do Brasil”, disse o rubro-negro.


As equipes de natação do Clube de Regatas do Flamengo contam com recursos de seus patrocinadores – AmBev, Furnas e Rede D’or – via Lei de Incentivo Federal/Ministério do Esporte (IR), além de apoio do Comitê Brasileiro de Clubes (CBC) proveniente da descentralização de recursos oriundos da Lei Pelé.