Libras

Notícias

Flamengo é bronze no Troféu José Finkel de Natação

Com um total de 24 medalhas, sendo 11 de ouro, Flamengo volta a subir ao pódio

Por - em

No último dia do Troféu José Finkel, realizado entre os dias 29 de agosto a 4 de setembro, no Parque Aquático do Minas Tênis Clube, em Belo Horizonte (MG), o Flamengo conquistou o terceiro lugar na classificação geral com um total de 1.478 pontos. O anfitrião Minas, com 2.493,50 pontos, foi o grande campeão da 40ª edição da competição, que contou com as principais estrelas da natação brasileira. O Esporte Clube Pinheiros (1.799) ficou com a prata.  O Clube de Regatas do Flamengo volta para casa com um total de 24 medalhas, sendo 11 de ouro, sete de prata e seis de bronze. O Corinthians, que protagonizou um belíssimo duelo com o Flamengo durante toda a competição, terminou em quarto lugar, com 1.367 pontos.

\

O campeão mundial Cesar Cielo conquistou seu quinto ouro na competição ao fazer o tempo de 23s48 na final dos 50m borboleta. Na raça, Nicholas Santos fez o terceiro melhor tempo e assegurou o bronze, com 23s68.

\

"O tempo da prova foi muito bom, entre os melhores do ranking no mundo, o meu e o do Glauber e do Nicholas também. 23s6 para o terceiro lugar é bom. Acho que foi a prova mais forte daqui em termos de comparação com os tempos mundiais. E ainda, a minha chegada foi bem ruinzinha. Saí com mais um ouro, que é o que eu queria fazer", comentou Cielo. "O importante foi consolidar o terceiro lugar do Flamengo na competição. E, agora, que a pressão já passou é fazer o melhor possível no revezamento medley",observou, referindo-se à prova que nadaria em seguida. "O Flamengo está ocupando o terceiro lugar entre as equipes brasileiras da natação e espero que, no ano que vem, com a continuidade do trabalho, ainda possa crescer. Espero que no ano que vem a gente possa brigar com o Minas e o Pinheiros."

\

O revezamento 4x100m medley masculino brilhou com o comando de Cesar Cielo (borboleta), Nicholas Santos (livre), Henrique Barbobsa (peito) e Leonardo de Deus (costas). O quarteto rubro-negro assegurou o lugar mais alto do pódio ao encerrar a prova em 3m39s96. As meninas do Flamengo também fizeram bonito e subiram ao pódio com o terceiro lugar. Thatiane Quirino (costas), Mireia Belmonte (peito), Carolina Athayde (borboleta) e Giuliana Gigliotti (livre), fizeram o percurso em (4m19s44).

\

Na final dos 100m costas masculino, Leonardo de Deus não conseguiu fazer uma boa prova e acabou em sétimo lugar, com o tempo de 56s82. Na versão feminina, Thatiane Quirino, com 1m05s85, ficou em sexto lugar. Já nos 1.500m livre feminino, Carolina de Farias fez o tempo de 17m43s76 e encerrou sua participação em nono lugar.