Libras

Notícias

Thiago Pompeu recebe medalha Pedro Ernesto na Gávea

Ex-atleta paralímpico da natação rubro-negra é homenageado com a honraria

Por - em
Após parar de competir oficialmente no ano passado, Thiago Pompeu, ex-atleta paralímpico da natação rubro-negra, esteve presente na manhã desta segunda-feira (3) na Gávea. A visita teve um motivo especial: receber as medalhas Pedro Ernesto, maior honraria do Estado do Rio de Janeiro e principal comenda cedida pelo governo para os cidadãos que mais se destacam na sociedade brasileira.

Thiago Pompeu recebeu as medalhas das mãos do vereador Thiago Ribeiro. Foto: Marcelo Cortes / Flamengo.
Thiago começou a nadar no clube com 16 anos e conquistou muitas medalhas para o Mais Querido. No ano passado, aos 35, o rubro-negro resolveu parar de competir oficialmente, mas continua treinando no Flamengo, seu time do coração. Além da natação, o atleta pratica outras modalidades no clube, como tênis e judô. 

Na presença do vereador Thiago Ribeiro, responsável por fazer a entrega da premiação, Pompeu ficou bastante emocionado com a homenagem e muito feliz em fazer parte deste seleto grupo de pessoas que receberam o prêmio. Ao lado de amigos e familiares, o atleta recebeu uma das mais importantes medalhas de sua carreira vitoriosa.

“Estou muito emocionado com esta homenagem. Estou aqui no clube há 16 anos e, durante esse período, já participei de inúmeras competições nacionais e internacionais pelo Flamengo. Então, me sinto muito honrado em ganhar o prêmio”, celebrou o atleta.

Fernando Pereira, treinador da natação rubro-negra, também destacou a importância deste reconhecimento.

“O Thiago é uma pessoa muito especial, com um coração imenso e é um aluno que eu admiro muito. A cada dia que passava, ele progredia mais. Ele, como atleta e ser humano, é uma pessoa espetacular. Considero o Thiago como se fosse meu segundo filho e fico até emocionado ao falar sobre ele, pois é um garoto sensacional. Ele treina comigo há doze anos e já foi campeão mundial algumas vezes da categoria de síndrome de down”, disse Nandão.


As equipes de natação do Clube de Regatas do Flamengo contam com recursos de seus patrocinadores – AmBev, Furnas e Rede D’or – via Lei de Incentivo Federal/Ministério do Esporte (IR), além de apoio do Comitê Brasileiro de Clubes (CBC) proveniente da descentralização de recursos oriundos da Lei Pelé.