Libras

Notícias

Profissionais do Flamengo são convocados para a Seleção Brasileira de Polo Aquático

Treinadores e preparador físico rubro-negros têm desafios importantes à frente das equipes nacionais de base

Por - em

Além de ceder inúmeros atletas para a Seleção Brasileira de polo aquático em quase todas as categorias, profissionais das comissões técnicas rubro-negras também foram chamados para comandar a garotada das equipes de base nacional. George Chaia, Illana Pinheiro e Rafael Hall, técnicos da base rubro-negra feminina e masculina, e o preparador físico André Vieira terão importantes desafios internacionais pela frente nesta temporada.

Artilheira, seleção do campeonato e MVP: Illana foi destaque nas últimas edições da Liga Nacional nos três quesitos, além de conquistar o título pelo Mais Querido. A atleta defendeu as cores do clube durante 16 anos e, a partir desta temporada, está atuando como técnica das equipes femininas de base do Flamengo. Para coroar uma carreira vitoriosa como atleta, a rubro-negra foi chamada para ser auxiliar-técnica no Sul-Americano Sub-18 feminino, que acontece entre os dias 9 e 13 de abril, no Chile, e técnica da equipe brasileira Sub-17 no Pan-Americano, disputado entre 29 de agosto e 9 de setembro.

“Para o Sul-Americano, tivemos dois encontros para reunir a equipe e acho que estamos bem preparados para conquistar uma medalha. Temos jogadoras que podem fazer a diferença e, portanto, as expectativas são as melhores possíveis”, disse Illana Pinheiro.

Rafael Hall, técnico do Sub-16 e Sub-18 masculino do Rubro-Negro, retornou ao clube em fevereiro deste ano em busca de uma melhor estrutura de trabalho e crescimento profissional. Cinco anos atrás, Hall teve uma passagem vitoriosa pelo Mais Querido, e aceitou o novo desafio justamente para trabalhar forte na busca de novos talentos para a modalidade.

Recentemente, o treinador rubro-negro foi convocado para duas competições internacionais à serviço da Seleção Brasileira de base: o Campeonato Mundial Sub-20, no Kuwait, em dezembro e o Pan-Americano Sub-17 de Porto Rico, marcado para agosto.


As equipes de polo aquático do Clube de Regatas do Flamengo contam com recursos de seus patrocinadores – AmBev, Estácio e Rede D’or  – via Lei de Incentivo Federal/Ministério do Esporte (IR), além de apoio do Comitê Brasileiro de Clubes (CBC) proveniente da descentralização de recursos oriundos da Lei Pelé.