Flamengo 3x1 Vasco - Final do Campeonato Carioca de 2004

De Flapédia
Ir para: navegação, pesquisa

Conteúdo

História

Jean festeja carregado por Júlio César - LANCE!

Três anos depois do quarto tricampeonato de sua história, o Flamengo voltou a enfrentar o arqui-rival Vasco em uma decisão de Campeonato Carioca. O Rubro-Negro já havia batido o Cruzmaltino nas semi-finais da Taça Guanabara, por 2x0, em um show de Felipe. Taça Guanabara, aliás, conquistada pelo Flamengo, em final contra o Fluminense.

A tradicional raça do Flamengo aliada ao talento do maestro Felipe, com a segurança de Fabiano Eller na zaga e de Júlio César no gol, fez com que o time ficasse forte chegasse à final do Campeonato Carioca, frente a frente contra o rival das últimas três conquistas, em 1999, 2000 e 2001.

Foram duas partidas emocionantes, em que o Fla rechaçou o favoritismo vascaíno, vencendo ambas as disputas. No primeiro jogo, um 2x1, com o gostinho amargo do gol de Coutinho, aos 47' do segundo tempo. Pelo Fla, marcaram Rafael e Fabiano Eller. Na segunda partida, o Vasco abriu o placar, mas com Jean em noite iluminada, o Mengo virou o jogo, e conquistou o vigésimo oitavo título carioca de sua história. O quarto seguido em cima do Vasco.

Em um campeonato onde os grandes jogos foram os de Flamengo e Fluminense, onde o Rubro-Negro saiu sempre vencedor, nada mais justo do que o título ir para a Gávea. E ele foi, carregado por Jean, grande nome da decisão, com três gols que fizeram o Fla empatar, virar, e garantir a vitória na finalíssima do campeonato.

O Jogo

Jean e Felipe brincam após a conquista - LANCE!

Levantou poeira a final do Campeonato Carioca de 2004. Um confronto já tradicional nas finais de Estadual nos anos 2000 se repetiu. Flamengo e Vasco se enfrentaram em um Maracanã lotado - e de maioria flamenguisa - para decidir a competição. O Fla vinha com a vantagem de 2x1 da primeira partida. Vantagem esta que foi por água abaixo logo com um minuto de jogo. Valdir Bigode fez 1x0, de cabeça, para o delírio do vascaínos, que começaram a provocar os rubro-negros, já que esta vitória lhes daria o título.

Durante o primeiro tempo, o jogo foi morno. O gol modificou a disposição vascaína, que passou a priorizar a marcação (em seu próprio campo). Nervoso, o Flamengo se desfazia das bolas e tentava, em cruzamentos, chegar ao gol de Fábio. Com o passar do tempo, o jogo foi ficando ainda mais nervoso e começou a ter faltas violentas. O árbitro Edílson Soares da Silva teve dificuldades para controlar os ânimos. Com Felipe muito marcado e apagado, os flamenguistas tiveram dificuldades para construir jogadas que pudessem levar ao empate. Ao Vasco, como só a destruição bastava, a situação estava ideal.

Jean levanta poeira no Maraca - O Globo

Na segunda etapa, no entanto, o Flamengo saiu do sufoco. Logo aos 4', Róbson recebeu a bola na entrada da área e lançou para Jean, que chutou forte de pé direito para o fundo do gol. Empate que daria o título ao rubro-negro, e que cumpria a promesse de Jean ao goleiro Júlio César de marcar um gol.

A expulsão de Coutinho complicou de vez as coisas para o Vasco. O volante foi expulso após falta dura no habilidoso Felipe. Mais presente no ataque, o Flamengo fez valer sua vantagem númerica e também a vantagem obtida no primeiro jogo. Aos 28 minutos, num contragolpe, Felipe chutou errado e Zinho ajeitou para Jean, de novo ele, bater, decretando a virada.

Quatro minutos depois, novamente Jean. O atacante foi lançado em profundidade, driblou o goleiro vascaíno Fábio, e definiu o placar. Três para o Fla, um para o Vasco. Jean levantou poeira, o Flamengo foi mais uma vez campeão carioca, e os rivais vascaínos, de novo, vice-campeões, para delírio da torcida rubro-negra, que lotou o Maracanã, com mais de 80 mil pagantes.

Vídeo

{{#ev:youtube|wQUrPvz-vgk}}

Ficha Técnica

Pôster dos Campeões - Jornal LANCE!

VASCO 1 x 3 FLAMENGO
2º Jogo da Final do Campeonato Carioca 2004

Local: Maracanã, Rio de Janeiro (RJ)
Data: 18/04/2004
Árbitro: Edílson Soares da Silva (RJ)
Assistentes: Hilton Moutinho e Dibert Pedrosa
Público: Público: 80.342 pagantes

Advertências: Vasco: Coutinho, Beto, Roger, Fábio e Rodrigo Souto; Flamengo: Rafael, Róbson, Zinho e Ibson
Expulsões: Vasco: Victor Boleta, Coutinho, Valdir e Ygor; Flamengo: Henrique e Felipe
Gols: Valdir (VAS) 2'/1ºT, Jean (FLA) 4', 28' e 32'/2ºT;

VASCO: Fábio, Claudemir (Cadu), Fabiano (Júnior), Henrique e Victor Boleta; Ygor, Rodrigo Souto, Coutinho e Beto (Donizete); Róbson Luiz e Valdir. Técnico: Geninho.

FLAMENGO: Júlio César, Rafael (Reginaldo Araújo), Henrique, Fabiano Eller e Roger; Róbson, Douglas Silva, Ibson e Zinho (Tiago); Jean (Jônatas) e Felipe. Técnico: Abel Braga.

Ver também

Ferramentas pessoais
Espaços nominais

Variantes
Ações
Navegação
Ferramentas