Libras

Notícias

Com grande atuação coletiva, Sub-14 goleia o Canto do Rio pelo Metropolitano

Garotos do Ninho vencem por 5x1 na Gávea e seguem com 100% de aproveitamento na competição.

Por - em
Em partida realizada na manhã deste domingo (28) na Gávea, e válida pela segunda rodada da Taça Guanabara do Campeonato Metropolitano da categoria, a equipe Sub-14 do Flamengo, comandada pelo treinador Leonardo Cherede, goleou o Canto do Rio pelo placar de 5x1 (Lucas Matheus [2], Kayan, Paulo Roberto e Lucas Loureiro). Somado à vitória sobre o Resende por 2x1 na estreia da competição, o resultado mantém os Garotos do Ninho com 100% de aproveitamento e na liderança ao lado de Botafogo e Fluminense, que também somaram seis pontos nos dois primeiros jogos. Na terça-feira (30), o Mais Querido visita o Barra da Tijuca, na Arena Interfut, às 19:50h.



A goleada rubro-negra foi construída com inteligência e grande atuação coletiva de toda a equipe. Logo aos oito minutos de jogo, Lucas Matheus abriu o placar em lance de oportunismo dentro da área. Aos 18, o lateral direito Kayan ampliou para os Garotos do Ninho, que conseguiam transformar em gols a superioridade técnica demonstrada dentro de campo. Ainda no primeiro tempo, Lucas Matheus fez seu segundo gol na partida. Foi a terceira assistência do meia Matheus no duelo.

Aos 16 minutos da segunda etapa, gol de estreante na quente manhã da Gávea. Paulo Roberto, recém-chegado de Fortaleza, fez o quarto e recebeu da melhor forma possível as boas-vindas no Mais Querido. E aos 19 minutos, Lucas Loureiro fez o quinto, em belíssimo toque de calcanhar que surpreendeu o goleiro adversário. Com a vitória rubro-negra já definida, o Canto do Rio fez seu gol de honra aos 30 minutos do segundo tempo, dando números finais à goleada do Mengão por 5x1.

Flamengo: Victor, Kayan, Iury, Erick, Henrisson; Daniel, Eduardo, Matheus; Wendel, Biro e Lucas Matheus. Treinador: Leonardo Cherede.

Sub-13 desperdiça muitas oportunidades e fica no empate

Também jogando na Gávea, a equipe Sub-13, que na estreia no Metropolitano havia goleado o Resende por 12x0, não repetiu o mesmo desempenho e ficou no empate por 2x2 contra o Canto do Rio, que abriu o marcador aos 13 minutos do primeiro tempo. Aos 17, Bill deixou tudo igual. A equipe niteroiense voltou a ficar na frente aos 26 minutos, e aos 33 Baiano empatou mais uma vez. Na volta do intervalo, o Flamengo impôs muita pressão em busca do gol da vitória, mas desperdiçou inúmeras oportunidades – inclusive um pênalti –, e o placar seguiu inalterado até o apito final do árbitro.