Libras

Notícias

Sub-17 goleia o Londrina e está na segunda fase da Copa do Brasil

Garotos do Ninho vencem de virada por 4x1 e aguardam por América MG ou Chapecoense na próxima fase da competição

Por - em
Foi com emoção. Após serem derrotados por 1x0 no jogo de ida da primeira fase da Copa do Brasil disputado semana passada no Estádio do Café, em Londrina, os Garotos do Ninho da equipe Sub-17 entraram em campo na tarde desta terça-feira (09), na Gávea, para a partida de volta precisando da vitória, mas levaram um susto. Logo nos primeiros segundos, os paranaenses abriram o marcador. Com a cabeça no lugar e demonstrando maturidade, o Flamengo conseguiu a virada e venceu por 4x1 (Lázaro, Sidney, Lucas Freitas e Rhyan), placar suficiente para o Rubro-Negro alcançar a classificação para a segunda fase da competição nacional. Os Garotos do Ninho aguardam agora a definição do adversário, que sairá do confronto entre Chapecoense e América MG marcado para esta quarta-feira, na Arena Condá. Os mineiros venceram o duelo de ida por 1x0.

O jogo

A partida começou agitadíssima, ligada nos 220 volts. O Londrina teve duas chances antes do primeiro minuto de jogo para abrir o placar. Na primeira, com apenas dez segundos de bola rolando, Jefferson entrou sozinho e desperdiçou. No lance seguinte, após confusão na área, Maykon tentou a finalização e Natan acabou fazendo contra. Um minuto depois, o Flamengo buscou o empate. Ramon cobrou escanteio na cabeça de Lázaro, que se antecipou à marcação e tocou para o fundo das redes. A virada podia ter vindo logo depois. Aos cinco minutos, Yuri de Oliveira invadiu a área em velocidade e sofreu pênalti. Gomes cobrou, mas o goleiro Higor acertou o canto e fez a defesa. A bola ainda explodiu na trave antes de sair em escanteio. 



Os Garotos do Ninho pressionavam muito em busca do segundo gol. Aos 25 minutos, Lázaro teve boa chance na entrada da área, mas a finalização foi por cima do gol. Aos 37, Luis Gustavo cruzou na área e Lázaro subiu mais que a zaga, mas a cabeçada saiu fraca e sem levar muito perigo ao gol da equipe paranaense. No minuto seguinte, Daniel Cabral, que havia entrado no lugar de Lucas Gabriel, soltou uma bomba cheia de efeito da intermediária. O goleiro apenas olhou e torceu, e a bola passou tirando tinta do travessão de Higor. 

Só dava Flamengo. Aos 43, Lázaro bateu cruzado e a bola passou por toda a extensão do gol londrinense. No lance seguinte, o cabeça de área Joãozinho deu carrinho por trás em Rhyan e levou o segundo amarelo, deixando o adversário com um a menos em campo, no último lance do primeiro tempo.



A pressão continuou a mesma na segunda etapa, mas dessa vez o gol saiu rápido. Aos oito minutos, Ramon cruzou e Rhyan cabeceou forte, para grande defesa de Higor. No rebote, Sidney apareceu muito bem posicionado e soltou uma bomba de canhota, para estufar as redes e finalmente colocar o Rubro-Negro na frente do marcador. Mas o placar ainda não era o suficiente para a classificação direta, e os Garotos do Ninho foram em busca do terceiro.



Aos 16 minutos, Natan cabeceou para defesa firme de Higor. Na sequência, Daniel Cabral e Yuri de Oliveira tiveram boas oportunidades mas não fizeram. Quem fez, foi o zagueiro. Aos 24 após cobrança de escanteio, Lázaro desviou no primeiro pau e Lucas Freitas apareceu de surpresa para chapar de esquerda e fazer o terceiro gol rubro-negro no jogo, resultado necessário para classificar a equipe para a segunda fase sem a necessidade da cobrança de pênaltis. Mas o melhor ainda estava por vir. Aos 40 minutos, Rhyan recebeu na área, cortou para a perna esquerda e bateu bonito, com consciência, no ângulo e sem chance alguma de defesa para o goleiro. Era o golaço da classificação dos Garotos do Ninho para a segunda fase da Copa do Brasil.

Flamengo: Pedro Victor, Luis Gustavo (João Gabriel), Natan, Lucas Freitas, Ramon (Ítalo); Lucas Gabriel (Daniel Cabral), Gomes, Yuri de Oliveira; Sidney, Lázaro (Braian) e Rhyan. Treinador: Phelipe Leal.