Libras

Notícias

Ricardo Abrantes analisa empate e elogia raça do Flamengo/Marinha

Treinador ainda comentou sobre o jogo de volta e pediu a presença da Nação

Por - em
O Flamengo/Marinha empatou com o Iranduba no CEFAN, na tarde desta quinta-feira (15), no jogo de ida das quartas de final do Campeonato Brasileiro de Futebol Feminino. Com dois gols nos últimos minutos da etapa final, as Meninas da Gávea ficaram no 2 a 2 e vão em busca da vaga na próxima semana. Após a partida, o técnico Ricardo Abrantes falou com exclusividade ao Site Oficial.

"Dominamos o jogo no primeiro tempo, mas estávamos muito lentos. O Iranduba chegou ao ataque três vezes e conseguiu marcar dois gols. Não era o nosso futebol. No intervalo conversei com elas e disse que não era isso que jogávamos, que aquilo não era o Flamengo. Independente de estarmos ganhando na técnica, vamos ganhar na força, na raça, na vontade. Flamengo é isso. A bola não entrava de jeito nenhum, mas elas não desistiram em momento algum. Conseguimos esse empate e basta uma vitória simples lá para conquistarmos a classificação", analisou o treinador.

Para a próxima partida, marcada para quarta-feira (21), às 21h, na Arena da Amazônia, Ricardo Abrantes pediu o apoio dos torcedores manauaras, além de comentar que as rubro-negras devem repetir o desempenho do segundo período. "É importante ter essa postura do segundo tempo, quando não deixamos elas jogarem direito. Esse é o nosso jogo. A etapa inicial foi atípica do que normalmente fazemos. Temos que repetir esses 45 minutos finais durante toda partida", afirmou.

*sob supervisão de Isabela Abirached