Libras

Notícias

Abel elogia grupo e destaca força da Nação

Treinador concedeu entrevista coletiva após a goleada sobre a Cabofriense

Por - em


A goleada por 4 a 0 sobre a Cabofriense na tarde desse domingo deixou o treinador Abel Braga muito satisfeito com o elenco rubro-negro. Após a partida no Maracanã, o comandante concedeu entrevista coletiva, falou sobre o trabalho com o grupo e definiu como "prazeroso" o ambiente de trabalho formado neste início de ano. 

"Hoje conversamos que tanto alegria como a tristeza passam, então tiveram momentos de muita satisfação ano passado, mas a tristeza de não ganhar um título. Isso passou, estão tentando um novo caminho, uma estratégia diferente. Não sou protagonista, e sim a torcida, que está batendo recorde. Está muito prazeroso fazer parte desse grupo. Tomara que continue por mais tempo."

O último gol da partida contou com a participação de Gabigol, De Arrascaeta e Bruno Henrique, e Abel Braga destacou a velocidade da jogada realizada pelos três reforços. 

"Foi legal a participação dos três no último gol. Vai depender muito de estratégia, se quer movimentação, mais troca de posição, ou mais verticalidade. Ganho passe em profundidade com Arrascaeta, com os outros, velocidade."

Quem se destacou no duelo contra a Cabofriense foi o volante Willian Arão. O camisa 5 marcou um gol, deu uma assistência e saiu muito aplaudido no segundo tempo. Abel falou sobre o jogador e não poupou elogios.

"Não vou pegar (partida como exemplo) porque ele ainda vai render mais. Jogador que eu confio muito. Ele recompõe bem. Havia dúvida se ficava, eu pedi que ficasse. Treinador não pode prometer nada, mas queria que soubesse da minha admiração. E a torcida está entendendo. Ele tem leitura, feeling, timing, sabe o momento de se projetar e de esperar."

Por fim, o comandante rubro-negro exaltou a versatilidade dos seus comandados para fazer mais de uma função dentro da partida.

"Adorei a entrada do Arrascaeta por dentro jogo passado, e adorei hoje a entrada dele pelo lado. Hoje não botei o Gabriel na direita, e sim enfiado. Ele é jogador muito veloz. Foi fantástica a metida do Gabriel, do Bruno Henrique... Em altíssima velocidade. É a estratégia que vai definir. Importante ter no grupo jogadores que possam mudar."