Libras

Notícias

Flamengo recebe primeira competição oficial de nado na nova piscina

Evento foi válido como seletiva para equipe do Rio de Janeiro e também como o 1º Torneio de Figuras da FARJ 2017

Por - em
A nova piscina olímpica do Flamengo, batizada de Daltely Guimarães, recebeu no último sábado (18 de março) o I Torneio de Figuras 2017 de nado sincronizado da FARJ (Federação Aquática do Rio de Janeiro). Essa foi a primeira oportunidade do Mais Querido de sediar uma competição oficial da modalidade, e o resultado foi positivo.
 
"Estamos muito orgulhosos de receber aqui na nossa nova piscina essa competição estadual. Eu pessoalmente perguntei para alguns pais de atletas presentes o que eles acharam da nova estrutura do Flamengo e estavam todos muito satisfeitos. Só conseguimos realizar essa prova aqui no clube porque a nova piscina atende à todas as necessidades que um evento desse porte exige, incluindo aí sua profundidade", declara orgulhosa a treinadora do Rubro-Negro, Roberta Perillier.
 
Confira os resultados
 
Infantil:
1 Nicole Shinohara (CRF)
2 Ana Clara de Almeida (CRF)
3 Leonora Jareta (CRF)
 
Infantil Principiante:
1 Giovanna Faria (CRF)
2 Sofia Kolisnyk (TTC)
3 Manuela Marques (TTC)
 
Junior:
1 Gabriela Regly (CRF)
2 Rafaella Catharino (CRF)
3 Laura Micucci (CRF)
 
Junior Principiante:
1 Julia de Oliveira (TTC)
2 Ana Beatriz de Almeida (CRF)
 
Juvenil:
1 Jullia Catharino (CRF)
2 Sara Marinho (TTC)
3 Jaddy Passos (CRF)
 
Juvenil Principiante:
1 Isabelly Ramos (TTC)
2 Ana Carolina de Oliveira (CRF)
 
FLAMENGO TEM QUATRO CONVOCADAS PARA INTERFEDERATIVO
Concomitante ao I Torneio de Figuras da FARJ 2017, foram definidas as oito atletas da equipe do Rio de Janeiro para as disputas do campeonato Interfederativo, que acontecerá em maio deste ano. Dentre as convocadas, o Mais Querido será representado por quatro nadadoras. São elas: Manuella de Menezes, Maria Eduarda Ferreira, Grazielly dos Santos e Joseane de Santana.

As equipes de nado sincronizado do Clube de Regatas do Flamengo contam com recursos de seus patrocinadores – AmBev, Rede D’or, IRB Brasil RE, CSN, Brasil Plural, EY – via Lei de Incentivo Federal/Ministério do Esporte (IR), além de apoio do Comitê Brasileiro de Clubes (CBC) proveniente da descentralização de recursos oriundos da Lei Pelé. O Projeto Anjo da Guarda Rubro-Negro, de transferência fiscal de pessoa física, beneficia todas as modalidades olímpicas do Mais Querido.