Libras

Notícias

Pelada em homenagem ao rubro-negro Bussunda reúne amigos, familiares e ídolos

Júlia, filha do humorista, recebeu a camisa do Flamengo das mãos de Adílio

Por - em
Na manhã desta sexta-feira (17), no Clube Condomínio, no Horto, Zona Sul do Rio de Janeiro, os integrantes do antigo programa de televisão Casseta e Planeta, Beto Silva, Marcelo Madureira, Hélio de la Penã e Cláudio Manoel, organizaram uma pelada em homenagem ao saudoso rubro-negro Bussunda. Diversos amigos e ídolos prestaram homenagens ao humorista.

O evento foi marcado por muitas risadas e histórias pra lá de inusitadas. Logo no começo, a brincadeira foi interrompida para o craque Adílio entregar a camisa do Mengão personalizada para a filha do humorista, Júlia. Quem também compareceu ao evento foi o craque Zico. 

"Hoje é um dia de festa. Queremos lembrar do Bussunda sempre dessa maneira. Não sei se todo mundo sabe, mas ele jogava muito bem. Não podemos dizer que ele era rápido, mas com certeza ele comia a bola, por isso talvez aquela barriga volumosa. O que me irritava nele era a tranquilidade dentro de uma pelada. Nunca vi um cara tão zen. Muitas saudades", disse o bem humorado Beto Silva.

 "A lembrança mais marcante que tenho do Bussunda foi de quando ele colocou a camisa do Japão e desfilou pelas ruas da Alemanha durante a Copa. Aquilo foi marcante pra mim pois eu era o técnico do Japão e iria enfrentar o Brasil. Eu tentei dar umas aulas de futebol pra turma do Casseta e Planeta, mas eles não aprenderam nada. O melhor ali, sem dúvidas, era o Bussunda. O cara era matador. Além de rubro-negro fanático, é claro", lembrou Zico.

Há exatos dez anos, em plena Copa do Mundo da Alemanha, Cláudio Besserman Viana nos deixou, vítima de um infarto.

*colaborou sob supervisão de Isabela Abirached