Libras

Notícias

Saiba como abrir uma Loja Oficial do Flamengo

Em cinco anos, meta é de 350 pontos em operação em todo o Brasil; conheça os números de sucesso da rede

Por - em
Os empreendedores brasileiros têm nas Lojas Oficiais do Flamengo uma grande oportunidade de negócio. Até o final de 2015, o departamento de Marketing do clube pretende abrir mais 40 Lojas Oficiais do Clube, que já tem 56 pelo país. A meta de cinco anos é chegar aos 350 pontos em operação pelo Brasil. O plano de expansão prevê, primeiramente, ocupar todas as capitais para depois seguir às cidades mais de 200 mil habitantes. Quem é sócio-torcedor conta ainda com um desconto de 10% em todos os produtos licenciados do Flamengo, exceto camisas oficiais de jogo adidas.

O sistema de administração das unidades até 2010 era de franquia, mas em 2013 foi reformulado. O Flamengo passou a gerir e licenciar os cerca de mil produtos comercializados pelas Lojas da Nação Rubro-Negra - como peças de vestuário, acessórios, artigos para casa e souvenires. Os pontos ainda passaram por uma remodelagem das identidades olfativa, visual e auditiva, que tentam inserir o consumidor no clima do estádio.

Para abrir uma Loja da Nação de 50m² a 60 m², o investimento médio necessário é de R$ 250 mil; para um quiosque é de R$ 150 mil. Este valor já inclui a taxa única de licenciamento de R$ 50 mil. Os estados de interesse são: Acre, Roraima, Amapá, Pará, Amazonas, Rondônia, Tocantins, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Goiás, Piauí, Maranhão, Ceará, Rio Grande do Norte, Paraíba, Pernambuco, Alagoas, Sergipe, Bahia, Minas Gerais, Espirito Santo, Rio de Janeiro, São Paulo, Paraná, Santa Catarina e o Distrito Federal. Mais informações? Envie email para: lojasnacaorubronegra@mfplai.com.br

15 motivos para abrir uma Loja da Nação

1 - As Lojas Oficiais do Flamengo cresceram 27% em 2014;
2 - As Lojas Nação Rubro-Negra são totalmente remodeladas, alinhadas com as principais tendências do varejo internacional;
3 - Aumento na qualidade do atendimento, com profissionais treinados;
4 - Personalização de camisas oficiais com nome e número;
5 - Venda de ingressos para jogos (dependendo da loja);
6 - Ponto de adesão ao programa Nação Rubro-Negra (dependendo da loja);
7 - Coleção completa dos uniformes de jogo, treino e viagem da adidas;
8 - Produtos oficiais exclusivos e mais de mil produtos oficiais disponíveis;
9 - Auxiliamos em muitas das etapas do negócio: escolha e negociação do ponto, projeto arquitetônico, fornecedores homologados, treinamento de pessoal, central de pedidos de mercadorias, comunicação visual exclusiva, montagem da loja e inauguração e supervisão periódica nas unidades;
10 - Sistema de controle de estoque e vendas;
11 - Eventos com ídolos do passado e atuais, tanto do futebol quanto do basquete;
12 - Divulgação para os mais de 40 milhões de torcedores pelas redes: 9,9 milhões de curtidas na página oficial no Facebook, 2,3 milhões de seguidores no Twitter e quase 200 mil no Instagram além de cadastro rubro-negro;
13 - As lojas podem ser de shopping ou de rua para cidades com mais de 200 mil habitantes;
14 - Há também quiosques destinados para shopping centers, galerias, terminais rodoviários, hipermercados e outros, em cidades com menos de 200 mil habitantes;
15 - O ticket é R$ 160; a venda média por m² é de R$ 3 mil.