Libras

Notícias

Isaquias Queiroz conquista três ouros para o Mengão na Copa Brasil de Canoagem

Com contrato renovado recentemente com o Mais Querido, campeão olímpico e Jacky Godmann reeditaram dupla de Tóquio 2020

Por - em
Tudo dele! O campeão olímpico Isaquias Queiroz disputou a Copa Brasil de Canoagem, em Capitólio (MG), no último final de semana e garantiu três ouros - em três provas - para o Mengão. No primeiro dia de competição, o rubro-negro subiu no topo do pódio no C1 1000m, repetindo o feito no domingo (01), no C1 500m e no C2 500m, ao lado de Jacky Godmann.

A dupla, que renovou contrato com o Flamengo na última semana, reeditou o time que ficou na 4ª colocação em Tóquio 2020, edição em que Isaquias Queiroz conquistou o tão sonhado título olímpico. Juntos, os canoístas do Mengão subiram no pódio da Copa do Mundo, em 2021, com a medalha de bronze.

“Estou muito feliz em dar continuidade a esse trabalho e, já em comemoração, foram três medalhas de ouro”, disse Isaquias após as conquistas. “Queria agradecer ao Flamengo por dar continuidade a esse projeto, apoiar a canoagem brasileira e me dar a oportunidade e a honra de representar bem o clube em todos os campeonatos nacionais e internacionais. Meu objetivo, claro, é me tornar o maior atleta olímpico do Brasil, conquistando a sexta medalha em Paris e, representando a Nação Rubro-Negra, não tem preço”, completou.

O Mais Querido conquistou ainda dois bronzes na competição. Pedro Hajdu e Thiago Cavalcanti, no K2 1000m, e Anna Luísa Pedrini e Maria Clara Soares, no K2 500m, foram os medalhistas do Mengão.

As equipes de remo e canoagem do Clube de Regatas do Flamengo contam com recursos de seus patrocinadores – Estácio, AmBev, Rede D’or, IRB Brasil RE, CSN, Brasil Plural, EY – via Lei de Incentivo Federal/Ministério do Esporte (IR) e Lei de Incentivo Estadual/Secretaria de Estado de Esporte, Lazer e Juventude (Seelje) do Rio de Janeiro, além de apoio do Comitê Brasileiro de Clubes (CBC) proveniente da descentralização de recursos oriundos da Lei Pelé.