Libras

Notícias

Vôlei supera São José com autoridade e emenda terceira vitória seguida na Superliga B

Meninas do Flamengo têm grande atuação em casa, com ginásio Hélio Maurício recebendo ótimo público

Por - em


Com autoridade e a torcida do lado. Uma grande vitória do vôlei feminino rubro-negro marcou a tarde deste sábado no ginásio Hélio Maurício, na Gávea. Jogando de forma consistente e firme o tempo todo, o Flamengo reverteu uma desvantagem inicial, fechou os três sets na frente e venceu a terceira seguida na Superliga B. O 3 a 0 sobre o São José dos Pinhais (25-19/25-23/25-23) foi mais um triunfo sem perder nenhum set na competição, o que coloca a equipe momentaneamente na liderança, aguardando o resultado do jogo de Valinhos. O Flamengo volta à quadra no próximo dia 08, contra o Marcelino Champagnat, em Londrina. 

O primeiro set começou tenso e o São José começou bem melhor, chegando a abrir 01-07. Alexandre parou o jogo e conversou com a equipe. Também fez duas trocas essenciais, colocando a levantadora Laura no lugar de Rafaela e Natasha como oposta em Angelica. O time se soltou, rodou e não parou mais. Questão de tempo para igualar e passar na frente no placar, não perdendo mais a dianteira por toda a partida. Jessica se tornou o principal nome do set e liderou a vitória na parcial, que terminou com ataque para fora das rivais. 

O segundo set foi todo sob o comando do Flamengo. Desde o início, com um 4-1 no placar e depois administrando o placar. Jessica, novamente, foi destaque do time, mas Nayara e Natasha também brilharam no ataque, alternando os lados e deixando a defesa paranaense sem ação. Embora a parcial tenha sido mais apertada, o Flamengo não correu grandes riscos. O lance que determinou a vantagem começou em defesa de Laura e finalização de Scher, para abrir três pontos em momento crucial da partida, o que ficou inalcançável para o São José. 

Com a torcida apoiando e gritando bastante, o Flamengo trabalhou forte no terceiro set para vencer e matar a partida. Nesta etapa, quem brilhou de novo foi Jessica, que não teve pena e massacrou as rivais. E com um belo ataque de Natasha, o time fechou mais uma vitória, sem perder nenhum set e embalou de vez na briga por uma vaga na final, o que vale a classificação à Superliga.